segunda-feira, 18 de julho de 2011

Adesão ao Rateio :R$ 150,00-COMUNICAÇÃO/004/2011-Sílvia Araújo Motta/Presidência pro tempore/ e Comissão Especial/BH,18 de julho de 2011.Ver Art. 12º do ESTATUTO GERAL E REGIMENTAR INTERNO.

Adesão ao Rateio :R$ 150,00-COMUNICAÇÃO/004/2011-Sílvia Araújo Motta/Presidência pro tempore/ e Comissão Especial/BH,18 de julho de 2011.Ver Art. 12º do ESTATUTO GERAL E REGIMENTAR INTERNO.
-
Encaminhamos via correio postal para os ESCRITORES IMORTAIS aprovados, o Ofício-Circular  nº 28/2011/Datado:BH, 4 de julho de 2011/Presidência/Tesoureiro/Comissão Especial,  com detalhes especificados, a título de colaboração/rateios emolumentais, em única parcela, para cobrir as despesas necessárias. Ref. Assunto:Providências para a Solenidade da ALB-MG, dia 23/08/2011.SOLICITAÇÃO DE ADESÃO AO RATEIO DAS DESPESAS.DEPÓSITO BANCÁRIO VALOR: R$ 150,00 (CENTO E CINQUENTA REAIS).Prazo máximo: Até 22 de julho de 2011.(sexta-feira).
Contamos com a adesão, se possível.
(Se algum empossando não puder fazer este pagamento à vista, o valor poderá parcelado, dentro das possibilidades de cada escritor-imortal-aprovado aos Quadro da ALB-MG.Ressaltamos que a falta do pagamento, não impede a participação no evento de repercussões nacionais e internacionais. A contribuição poderá ser reduzida ou dispensada.)
-
Para melhores esclarecimentos:
Sílvia de Lourdes Araújo Motta-
(31) 9928-2798
(31) 3295-0708
(31)3295-2798
-----------*----------
ESTATUTO GERAL E REGIMENTAR INTERNO DA ALB:

Art. 12º - Da Viabilidade Econômica da ALB e Colaborações.

a) Os Membros Fundadores Vitalícios recolhem, individualmente, e seu Suplente, com livro publicado, indicado junto a Organização Nacional, a título de colaboração emolumentais, em uma única vez, 2/3 do salário mínimo vigente no país, quando de sua postulação ao ingresso nos quadros da Academia de Letras do Brasil. (Poderá tal contribuição ser reduzida e ou mesmo dispensada, a critério da Presidência Nacional). 
-
OBSERVAÇÃO:

(Observe-se que em 10 anos de existência da ALB, não registrou-se quaisquer contribuições econômicas à organização Nacional da entidade, por parte de seus Membros. A Presidência Nacional jamais solicitou quaisquer contribuições econômicas ou materiais aos Membros, sempre privilegiando-se e priorizando bem receber e recepcionar os novos escritores, expandindo a entidade em ideais, sem prioridade econômica.)
--------------*-------------

NOTA:

A contribuição anual de 25% do salário mínimo está prevista no ESTATUTO em fase de estudo, em fase de aprovação dos ESCRITORES IMORTAIS indicados às CADEIRAS DA ALB-MINAS GERAIS, sob a Presidência (pro tempore) da Acadêmica Sílvia de Lourdes Araújo Motta-PhI-Cad.002/ALB-MG.
--------------*-------------

.