domingo, 20 de maio de 2012

CORAÇÃO APRISIONADO-ACRÓSTICO Nº 4447 -Por Sílvia Araújo Motta-ALB-MG


CORAÇÃO APRISIONADO
-
Acróstico-filosófico Nº 4447
Por Sílvia Araújo Motta/BH/MG/Brasil
-
C-Coração aprisionado não atinge
O-O seu plano ideal de poder agir,
R-Relacionado à doação da liberdade,
A-A fluir nas veias do ser amado...
Ç-Com certeza, o dono da prisão finge
Ã-Ao esconder no espinho sem carinho,
O-O plano da verdade, capaz de desmentir
 -
A-A intenção que a angústia invade,
P-Protestando a ausência do sorrir,
R-Resguardando apenas dor e saudade;
I-Inaceitável é oferecer ao coração
S-Solidão entre os grilhões da grade;
I-Indiscutível é a relação desencadeada,
O-Ornada de correntes de sofrimento!
N-Não é possível manter propriedade
A-Afetiva aflorando o mal argumento...
D-Deixe o coração livre e verá na fertilidade
O-O fruto adocicado nascer, crescer e reviver.
-
Belo Horizonte, domingo, 20 de maio de 2012.
-
http://www.recantodasletras.com.br/acrosticos/3677554
---***---