sábado, 8 de novembro de 2014

SILVIA ARAÚJO MOTTA NA ALB-ARARAQUARA-SP-TOMA POSSE-SÃO PAULO-dia 8 de novembro de 2014

SILVIA ARAÚJO MOTTA
Diretora de Relações Institucionais da ALB Nacional
-//-

DR. MÁRIO CARABAJAL LOPES
Presidente-Fundador Global da ALB

-


Logomarca da ALB-Araraquara
-//-










-












-//-

Homenagem - sonetista
Aos ACADÊMICOS ESCRITORES E POETAS

Por: Silvia Araújo Motta/BH/MG/Brasil

Academia faz-nos crer que o sonho,
com fé, esperança, amor, cultura e ação,
espanta  malquerer do tom tristonho,
no pedestal, ao homem traz lição;

Convida ao mundo à fonte, em paz, suponho,
aprovação dos planos, busca união
à educação sem fome e voz! Proponho
legislação, defesa à vida e pão.

A consciência vibra e leva a agir,
sem corrupção exalta seu poder.
Escravizar? Jamais! Valeu sentir...

Todo escritor, um dia, quer mostrada
sua poesia ou prosa e, se vencer,
na estante exibe láurea  bem-amada!

-//-








-

SALÃO DO LIVRO DA FRANÇA-PARIS-ANTOLOGIA  EM PORTUGUÊS E FRANCÊS
-//-



-

PRESIDENTE ALB-ARARAQUARA MICHELLI ZANIN
COM JOSÉ REGINALDO GALÃO
-


-



-


COM CELINA MORAES NO FACEBOOK

-//-



COM RITA VELOSA NO FACEBOOK

-//-


-


Pronunciamento de encerramento – solenidade ALB/ARARAQUARA/SP
Cumprimento neste ato excelentíssimo senhor, escritor, professor, Presidente Fundador da ALB GLOBAL, Doutor Mário Carabajal Lopes, e as autoridades aqui presentes.
Aos jornalistas, a este público maravilhoso, e a cidade de Araraquara pela acolhida calorosa.
Parabenizo a todos os Membros da ALB, nacional e internacional, presentes ou não. Em especial a nossa estimada confreira, escritora e jornalista, senhorita Michele Zanin, assumindo hoje a presidência ALB/ARARAQUAR/SP. Também aos pais André e Elizabete pelas organizações excelentes deste evento.
Michele Zanin é um exemplo de superação. Ainda jovem já conhecida por tão nobres iniciativas.
Cumprimento em especial a minha amiga, confreira, Membro da ALB/BELO HORIZONTE/MG, também indicada as RELAÇÕES INSTITUCIONAIS da ALB GLOBAL, a escritora, Doutora Sílvia Araújo Motta. Infelizmente não podemos contar com sua ilustre presença por motivos de doença em sua família. Sílvia é um dos Membros mais atuante na ALB há muitos anos. Trabalha incondicionalmente levando o nome da ALB para todo o país além de nossas fronteiras. Representante da ONU aqui no Brasil, a escritora luta constantemente pela PAZ MUNDIAL. Foi coroada RAINHA DOS ACRÓSTICOS somando mais de seis mil acrósticos até a presente data. Ainda, desde a sua mocidade Sílvia Araújo Motta trabalha em defesa da nossa língua, a LÍNGUA PORTUGUÊS BRASIL, incentivando a escrita correta desta língua maravilhosa.
PARABÉNS! DOUTORA SÍLVIA ARAÚJO MOTTA.
ALB – ACADEMIA DE LETRAS DO BRASIL – ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DE CULTURA.
Nada mais louvável no SER RACIONAL que a capacidade de aprender - acrescer - e da superação.
Acrescer: trabalhar em união com objetivo UNIVERSAL.
SUPERAÇÃO: aceitação do que é ou pode ser possível, sobre todos os sonhos evolutivos, encarando a vida como ela é. Enfrentar as adversidades sem medo e se desdobrar em busca do impossível se preciso for. Provar a si próprio que não existe oportunismo que nos faça vencedores, e sim, a coragem, determinação, consciência naquilo que se propõe a fazer com amor incondicional, independente de remuneração ou de colecionar medalhas e honrarias.
A ALB é uma ORGANIZAÇÃO democrática, evolutiva. Nós Membros somos à base desta ORGANIZAÇÃO. Devemos trabalhar unidos, mesmo sendo de diferentes pensamentos. Únicos, mas de ações constantes pela PAZ MUNDIAL.
Devemos ser fortes e desafiar os limites impostos por aqueles que pararam no tempo apenas para ganhar mais poder.
Não existe poder absoluto. A sabedoria abate qualquer inimigo com tais poderes.
COOPERATIVISMO
O cooperativismo é imprescindível para o crescimento de uma organização. A união dos SERES RACIONAIS em busca de conhecimento, e através do trabalho diário exercido, são ações evolutivas.
As críticas destrutivas são dispensáveis, por que, o que pensam de nós, não nos interessa. Deixamos os aplausos para a nossa própria consciência.
Não é na raça, nem na cor, ou na classe social que podemos observar os reflexos. Não é através do físico ou do cargo que exercemos que podemos mostrar quem somos. É necessário que se mostre na prática, que se faça colorir as ideias através de ações humanitárias, por que as ações do homem é o reflexo do mundo. E se os reflexos não forem positivos, não escapará o mal feitor das suas próprias armadilhas.
Não há poder que possa esconder as reações adversas.
É maravilhoso receber um prêmio. MEDALHAS, HONRARIAS, TROFEUS. Mas, a consolação não está nas aparências dos prêmios, e sim, no reflexo das ações humanitárias dos HUMANISTAS ativos, que trabalham com amor respeitando os SERES, e as hierarquias.
Este prêmio que hoje recebo, assim como os muitos mais recebidos em outras solenidades, falo sem receio que OS honro.
Somente na eficácia de nossos atos é que podemos mostrar se somos, ou não merecedores de tais prêmios.
É imprescindível todos saberem, que a PAZ requer AMOR, SEGURANÇA E JUSTIÇA.
Ao agraciar um Membro de quaisquer ORGANIZAÇÕES, jamais sugerimos valores em dinheiro.  Para receber uma HONRARIA é preciso o prazer do mérito. Carece o valor inestimável das práticas do bem comum.
Devo esclarecer o seguinte: quando agendamos um evento, seja este simples ou sofisticado precisamos de verba para que tudo se realize na mais perfeita ordem. As LEIS DEMOCRÁTICAS permitem que as ORGANIZAÇÕES recorram à captação de recursos. Seja por intermédio do ESTADO, ou por doações – jurídica ou física.
Recursos através do ESTADO BRASILEIRO estão cada vez mais escassas. Nossos governantes não conseguem obter uma visão holística sobre os excelentes projetos desenvolvidos e realizados pelas ORGANIZAÇÕES – culturais - sociais e literárias. Tudo em prol a evolução HUMANA. Um caminho traçado para a construção por um mundo mais justo e igualitário, onde a fome e as diferenças sociais tenham sido abolidas, assim como fora a escravidão, com a LEI ÁUREA assinada pela PRINCESA ISABEL em mil oitocentos e oitenta e oito.
Por fim, que não sejamos colecionadores de medalhas e honrarias para aumentar o nosso castelo de sonhos inúteis, e sim colecionadores de boas ações para podermos aplaudir a nossa própria consciência.
Tudo o que se compra é bem adquirido. Todo bem adquirido é vendável. Mas uma HONRARIA agraciada por mérito não tem preço. É um bem intransferível e imortal.
Uma salva de palmas aos novos MEMBROS DA ALB ARARAQUARA SÃO PAULO.
OBRIGADA A TODOS PELO PRIVILÉGIO DA PALAVRA.
ARARAQUARA/SP
08/11/2014
Branca Tirollo
Presidente ALB/PIRACICABA/SP
MEMBRO DO CONSELHO SUPERIOR ALB/SP
-//-








-