segunda-feira, 15 de junho de 2015

SAM 009-Poema com versos livres nº 5937-DIANTE DO SILÊNCIO DO LAGO- Por Sílvia Araújo Motta/BH/MG/Brasil -15-6-2015

-


5937-DIANTE DO SILÊNCIO DO LAGO
-
SAM 009-Poema com versos livres nº 5937
Por Sílvia Araújo Motta/BH/MG/Brasil
-
Diante do SILÊNCIO do lago...
lago que me faz pensar,
pensar em TUDO que trago,
trago nos SONHOS a bailar,
bailar no ritmo que me diz:
-Diz-me na brisa para acalmar;
acalmar a perda de TEMPO,
tempo que deixei PASSAR,
passar com PERDAS na vida,
vida que precisa ESPERAR,
esperar a BOA SEMENTE...
semente do BEM-ME-QUER!
Bem-me-quer em mim NATIVA,
nativa em dias de risonhos,
risonhos e perfumados,
perfumados, no DESEJO,
desejo de CONTEMPLAR
contemplar a dois, o lago MUDO,
mudo que me faz mudar!
MUDAR para CONSTRUIR,
construir um TEMPLO novo,
novo, MODO para AGIR,
agir sem sair de CENA,
cena que pode mostrar,
mostrar que viver vale a pena,
pena que o VENTO LEVA,
leva até o fundo do mar,
mar que faz remexer,
remexer ONDAS bem altas,
altas que trazem marés,
marés que devolvem TUDO,
tudo na LEI DO RETORNO;
retorno do que aqui se faz,
faz, mas que também se paga,
paga pelo que plantou,
plantou, por isso colheu:
-Colheu espinhos ou rosas...
Rosas da cor rosa do carinho,
carinho que está no caminho,
caminho do GRANDE AMOR,
amor que está no barquinho,
barquinho, plano em papel,
papel que irá se tornar...
Tornar um GRANDE NAVIO,
navio que no lago, não cabe...
Cabe, somente no OCEANO,
Oceano que ocupa uma vasta,
vasta extensão na TERRA,
Terra do meu CORAÇÃO,
coração, com PULSAÇÃO,
pulsação proeminente,
proeminente pela RAZÃO,
razão ALTA que RODEIA,
rodeia com PROPOSIÇÃO,
proposição que bendiz,
bendiz, porque vive o SONHO:
O SONHO DE SER BEM FELIZ!
---Diante de um lago mudo!---
-
Belo Horizonte, MG, 15 de junho de 2015.
http://www.recantodasletras.com.br/poesiasdedicatorias/5277768