sábado, 11 de julho de 2015

Eternally/Chaplin * Para que chorar o que passou- Tema Luzes da Ribalta/Limelight Theme/Candilejas *



-
[...]

Para que chorar o que passou,
lamentar perdidas ilusões...
Se o ideal que sempre nos acalentou
renascerá em outros corações.
                       Charles Chaplin

-

5975-GIBRAN KHALIL GIBRAN
-
Acróstico nº 5975
Por Silvia Araújo Motta/BH/MG/Brasil
-
G-Gibran Khalil Gibran, nasceu aos 16/03/1883:
I-Inteligência exacerbada, desde criança em
B-Bicharre, aldeia na região do norte libanês;
R-Reconhecido mestre da Sabedoria ensinou
A-A Arte de Viver, pela conquista da PAZ
N-Nutrida na contemplação da BELEZA;
 -
K-Know-How do autoconhecimento e
H-Habilidade, necessários ao interior,
A-À luz da compreensão, superior ao
L-Lamento desnecessário à mudança
I-Incomparável do pensamento,
L-Levado ao estímulo pela esperança.
 -
G-Garantidos o PRAZER e o DESEJO
I-Inspiram a CANÇÃO da LIBERDADE,
B-Bem afinada na pauta, sem remorso!
R-Recomeçar? Não vejo nenhum mal:
A-"Amanhã poderá vir o omitido hoje"
N-Nas notas dissonantes do Bem e Mal!
---Khalil faleceu 10/04/1931/NY, 47 anos!---
-
Belo Horizonte, 11 de julho de 2015.
http://www.recantodasletras.com.br/acrosticos/5307721
-
http://academiadeletrasdobrasildeminasgerais.blogspot.com.br/2015/07/eternallychaplin-tema-luzes-da.html


-





-
EXCERTO DO CAPÍTULO DO LIVRO O PROFETA DE GIBRAN KKHALIL GIBRAN

“E agora vós perguntais em vosso coração: 

‘Como distinguiremos o que é bom no prazer do que é mau?’

Ide, pois, aos vossos campos e pomares e, 
lá, aprendereis que o prazer da abelha 
é sugar o mel da flor, 
mas que o prazer da flor é entregar o mel à abelha;
pois, para a abelha, uma flor é uma fonte de vida
e, para a flor, uma abelha é uma mensageira de amor...
E, para ambas, a abelha e a flor, 
dar e receber o prazer é uma necessidade e um êxtase.

Povo de Orphalese, nos vossos prazeres, imitai as flores e as abelhas.”
-//-