domingo, 11 de junho de 2017

Academia Cordisburguense de Letras GUIMARÃES ROSA-Símbolos-Hino-Distintivo de lapela-Bandeira/Estandarte

Academia Cordisburguense de Letras GUIMARÃES ROSA

Símbolos

Hino-Distintivo de lapela-Bandeira/Estandarte
-

-

SINHÁ ARAÚJO: MARIA FRANCISCA CÂNDIDA DE ARAÚJO-CORDISBURGO
-
Acróstico in memoriam nº 6428
Por Silvia Araújo Motta/BH/MG/Brasil
-
M-Maria Francisca de Araújo, mineira conhecida
A-A Poetisa - 1ª Presidente: "Sinhá Araújo" 84/86
R-Realizou o sonho; teve grande missão cumprida;
I-Inicialmente, ideal Casa de Cultura de sua cidade...
A-Aplaudida, em 21/Out/1984, em Cordisburgo/MG:
 -
F-Fundou a Academia Cordisburguense de Letras,
R-Renomada "GUIMARÃES ROSA". Merecidamente,
A-A Cadeira Nº 01, ocupou com responsabilidade,
N-Nomeou seu Patrono: Antônio Augusto de Lima.
C-Com força, dinamismo, fé, coragem, liderança,
I-Insistência, competência, garra, alegria, esperança,
S-Sinhá, sertaneja nasceu dia 04 de junho/1915, em
C-Cordisburgo; filha: José Cândido Sobrinho e Francisca
A-Assis Costa. Estudou: Grupo Escolar Mestre Candinho.

 -
C-Coordenou com garra e saudosa memória, a primeira
Â-"Antologia Cordisburgo Literária", somente com autores 
N-Nomeados do Quadro de Acadêmicos da cidade natal.
D-Dedicou grande parte da vida de sucesso profissional:
I-Inesquecível Modista da Alta Costura da Dama Mineira.
D-De 1982 em diante, escolheu o lado cultural das letras: 
A-Acadêmica, atuante escritora, poetisa de alma romântica.
-
D-Desde a adolescência, com a família, foi para Capital
E-E casou-se com Wanderlim Araújo; tiveram três filhos:
 -
A-Alcides, Gelta e Dirce. Foi amiga, querida mãe, avó, bisavó.
R-Reconhecida escritora autora de "Eterna Lembrança"(1882).
A-Acadêmica na AFEMIL(Cad. 11) e AMULMIG (Cad 137) e outras.
Ú-Um livro "Retalhos de Mim" estava no prelo, quando faleceu:
J-Justamente aos 11/07/1987. Obra póstuma lançada em 1988.
O-Ostentou a doação da sede própria, pela Prefeitura Municipal.
      ---Sinhá Araújo, 1ª Presidente, Descanse em Paz!---
      Belo Horizonte, DOMINGO, 11 de junho de 2017.
http://www.recantodasletras.com.br/acrosticos/6024230

http://academiadeletrasdobrasildeminasgerais.blogspot.com.br/2017/06/academia-cordisburguense-de-letras.html
-

"FLORES DE ABRIL", quase uma prece, de SINHÁ ARAÚJO:

"Dê-me uma janela aberta
Para dentro de minha alma
Ou para onde eu possa encontrar vida
Enlaçado de compreensão, transbordando de amor.
Além de tudo, que se possa pensar e transpor.

Dê-me uma janela aberta
Quando o céu estiver bem azul, cor de anil!
Que eu possa alcançar meus sonhos soltos,
Tão rosa quanto às flores das paineiras em abril.

Dê-me uma janela aberta,
Que tenha uma trepadeira florida!
Que as flores estejam perfumando o ar
E um bailado de sons para embalar minha vida.”


             (do livro "RETALHOS DE MIM”)

 -


Hino da Academia Cordisburguense de Letras Guimarães Rosa.
Letra e Música da Acadêmica Maria do Carmo Dias Bruno.
-
1-Machado de Assis fundou
do Brasil, a Academia.
Cordisburgo percebeu
que fazer, também, podia.
-
2-Flor do Lácio, decantada
lindos versos, bela prosa
explosão de qualidade
na expressão do nosso Rosa.
REFRÃO:
É de João Guimarães  Rosa
o nome e a inspiração,
bem nascidos, nesta terra
Academia e homem, irmãos.
-
3-O sertão, que é vasto e largo,
não cabe em definição,
gosto doce, sabor amargo,
marco da pena e coração.
-
4-Pioneiros, corajosos,
Capitão, nossa Sinhá,
plantaram em terra fértil
sonho forte, pra vingar.
-
REFRÃO:
É de João Guimarães  Rosa
o nome e a inspiração,
bem nascidos, nesta terra
Academia e homem, irmãos.
-
5-Vencidas, quase três décadas,
vida intensa, nomes fortes,
Acadêmicos e Patronos,
superando luta e mortes.
-
6-A missão nos é sagrada
defender nossa cultura,
semear amor às letras,
paz, beleza e arte pura.
-
REFRÃO:
É de João Guimarães  Rosa
o nome e a inspiração,
bem nascidos, nesta terra
Academia e homem, irmãos.

-//-