sábado, 15 de fevereiro de 2014

Dr. Mário Carabajal-Presidente -Fundador da ALB, orienta sobre CERIMONIAL DE SOLENIDADES DA ALB


-//-
ACADEMIA DE LETRAS DO BRASIL
Para facilitar aos nobres amigos e presidentes, representantes da ALB, segue os  Estatutos e link do SNP - Setor de Normas e Procedimentos
Estimado gestor, preliminarmente, à organização de Solenidades Oficiais da ALB, inicie entrando no SNP - Setor de Normas e Procedimentos. Neste link o Confrade encontrará informações precisas e objetivas, facilitando sua organização. A exemplo da Norma 15 'Do Modelo do Cerimonial' a ser utilizado, adaptando-o para a Solenidade de sua Seccional.
10 PASSOS À ORGANIZAÇÃO
       DE SOLENIDADES DA ALB

Objetivando facilitar ainda mais aos Nobres Presidentes e Diretores de Eventos da ALB, em síntese, em uma solenidade, necessitamos sobretudo atender a 10 pontos elementares:
1 - contar com minimamente 12 escritores, locais, com livros publicados;
2 - a critério dos Membros, acordarão o número de convites para cada um. Em tese, 15 convites para cada Membro. Isto, no caso do número mínimo de escritores a serem diplomados, 12. Obviamente, se forem 30 escritores, a serem diplomados, contando o auditório com 300 lugares, cada um deve receber 10 convites. Enfim, isto, você delibera, com muita facilidade.
3 - os Convites oficiais, à autoridades, imprensa... devem ser entregues por aqueles escritores com maiores acessos aos meios;
4 - pessoas da comunidade, que contem com um longo histórico de relação com a cultura, devem ser convidadas a receberem o Mérito 'Causas Imortais'. Cujos Modelos encontram-se a disposição dos Presidentes,juntamente com os demais Modelos de Diplomas, a serem adaptados e impressos, com antecedência, conferidos e dispostos na mesma ordem em que serão entregues;
5 - os escritores a serem diplomados e empossados, devem vestir pelerine ou toga no dia da solenidade, sendo o modelo próprio, de livre escolha e deliberação da Seccional'. A ALB não exige Modelo único Nacional. Assim como os Diplomas, podendo os mesmos sofrerem alterações de lay out, sem perda de conteúdos; exceto no tocante a endereço, seccional, e-mail de contato, local, nome do escritor ou homenageado, número da Cadeira e presidente da seccional; 
6 - local, mesa ornamentada e 3 microfones, sendo: dois na mesa e 1 no púlpito 'tribuna' ou...
7 - apenas 1 escritor, orador, empossado, fala em nome dos novéis acadêmicos:
8 - um breve extrato memorial biográfico, científico, cultural e profissional 'informado na 3a. pessoa, pelo próprio acadêmico', será lido, após serem chamados, um a um os escritores, enquanto deslocam-se para serem diplomados;
9 - as solenidades da ALB iniciam sempre com a execução do Hino Nacional Brasileiro e terminam com a Execução do Hino do Estado 'Capitais' ou do Município, onde realiza-se a solenidade.
Ao término da solenidade, após ao Hino do Estado nas Capitais ou do Município, quando de instalação de Seccionais Estaduais ou Municipais, os novos Membros serão convidados a reunirem-se, para fotografia documental, histórica.
10 - o Coquetel ao término das  solenidades, segue orientação e padrão da ALB: uma mesa ou diversas, com frutas variadas, cortadas, dispostas em pratos simples, de plástico.

Sem a oferta de refrigerantes e ou bebidas alcoólicas, tampouco carnes 'gado, porco, peixes ou frango'.

No coquetel 'Padrão da ALB' é oferecido somente frutas variadas, cortadas, dispostas em pratos sobre mesas com toalhas ... para que os convidados sirvam-se, sobre a mesa, disponibilizar guardanapos e palitinhos. Somente. 

Sem a necessidade de oferta de líquidos. Caso sejam estes oferecidos, somente sucos naturais, sem açúcares. Disponibilizando-se ainda, sobre as mesas, açúcar e adoçante.

IMPORTANTE: O Compromisso Acadêmico e Posse seguem texto único, padrão da Organização, para o Brasil e Exterior. Sendo conduzidos pelo Presidente Nacional, Estadual e ou Municipal, nesta ordem, estando os mesmos presentes.
 MÁRIO CARABAJAL LOPES-PRESIDENTE-fUNDADOR DA ALB
Fonte:
 http://www.academialetrasbrasil.org.br/SNPsolenidades.html