segunda-feira, 11 de maio de 2015

LUTO EM SALVADOR-BAHIA=CHUVA CAUSA DESLIZAMENTOS E MORTES-11 DE MAIO DE 2015-Área Metropolitana em estado de ALERTA em 15/5/2015

-

http://www.tribunadabahia.com.br/2015/05/10/2-pessoas-morrem-em-salvador-apos-deslizamento-na-baixa-do-fiscal
-//-



5882-LUTO EM SALVADOR-BAHIA.CHUVAS CAUSAM DESLIZAMENTOS E MORTES.
-
Noneto- Poético-Teatral Nº 16-Soneto nº 5882 //
Clássico-sáfico, heroico; com sílabas fortes//
na 4ª, 6ª, 8ª; 10ª sílabas  Rimas: ABAB, ABAB,CDC-EDE; //
Mensagem no 14º Verso( Último do segundo terceto).//
-
Por Sílvia Araújo Motta/BH/MG/Brasil
-
TEVÊ ligada assusta ver na terra:
-Deslizamentos causam mortes...fim;
computador confirma, a dor encerra;
cenário forte traz sofrer, em mim.
-
Em SALVADOR, na chuva que soterra
o POVO chora...  tempo está ruim;
cada velório prova e o corpo enterra;
voz emudece, ter flor triste, assim.
-
Desaparecem corpos, casa e tudo...
Jornal Tribuna mostra a CRUZ, embora,
notícias chegam, deixam mundo mudo.
-
De BEAGÁ, registro meu pesar:
-pois a BAHIA está de LUTO agora:
Quantos sofridos! Ponho-me a rezar!
-
Belo Horizonte, Minas Gerais, 11 de maio de 2015.
http://www.recantodasletras.com.br/sonetos/5237855
----------------------------------------------------------*--------------------------------------------------------



Chuva forte volta a colocar região metropolitana de Salvador em alerta
(Foto: Manu Dias/GOV BA) 15/05/2015

-


Até às 12h45, a Defesa Civil recebeu 118 ocorrências - delas, 58 foram deslizamentos de terra e 27 foram ameaças de desabamentos
-
A forte chuva que atinge Salvador desde as primeiras horas desta sexta-feira (15) causaram vários estragos e pontos de alagamento, colocando a capital em estado de alerta. Desde o fim de abril, 19 pessoas já morreram na região metropolitana de Salvador em função das chuvas, levando cidades como Candeias, Lauro de Freitas e a própria capital a decretarem situação de emergência.
Entre a 0h de hoje e as 12h45, a Defesa Civil de Salvador recebeu 118 ocorrências - delas, 58 foram deslizamentos de terra e 27 foram ameaças de desabamentos de imóveis. Outras 48 pessoas ligaram para o  telefone 199 para notificar imóveis alagados. Não há registro de feridos.
-

Também houve ocorrências relativas à ameaças de deslizamentos, quedas de árvores, infiltração e desabamento parcial. Devido a situação, a prefeitura cancelou a Feira da Cidade, que aconteceria neste final de semana.
Segundo o diretor-geral da Defesa Civil de Salvador, Álvaro Augusto da Silveira Filho, o volume de chuva registrado nestes primeiros 15 dias de maio é o maior dos últimos 20 anos e aprevisão é que ainda chova mais. “A estimativa é que  deve chover mais 100  milímetros (mm)  até o final do mês. Sendo que, nesses primeiros 15 dias, o acumulado já chega a 300 mm, quando a média histórica mensal é de 359 mm. Se continuar assim, poderemos fechar o mês com um total de quase 600 mm de precipitação”, disse Filho à Agência Brasil.

http://www.correio24horas.com.br/detalhe/noticia/chuva-forte-volta-a-colocar-salvador-e-regiao-metropolitana-em-alerta/?cHash=43a20e2e547be3aef988a07df17de09f